domingo, 14 de agosto

O que produz um sermão poderoso?

Ouvir Artigo

Há muitas respostas corretas para essa pergunta: o poder da Palavra de Deus, o enchimento do Espírito Santo, o talento do pregador, o entusiasmo do povo para ouvir – todas essas coisas poderiam ser mencionadas para responder essa pergunta. Contudo, eu quero mencionar uma resposta que é frequentemente esquecida quando refletimos sobre o poder da pregação e o que produz um sermão comovente, que gera frutos espirituais para Deus.  Acredito que o pastor inglês do século 19, Archibald Brown, foi quem melhor sintetizou esse aspecto esquecido da pregação poderosa:

“Ah, irmãos e irmãs, que Deus me capacite a falar com vocês nesta manhã da maneira que eu desejo falar. Eu só queria conseguir fazer com que esse texto resplandecesse diante dos seus olhos da maneira que ele resplandeceu diante dos meus. Eu queria que você percebesse a força tremenda que ele tem, da maneira que aconteceu em meu coração antes de chegar aqui. Ah, se isso acontecesse, muitos de vocês seriam sacudidos de seu egoísmo, de seu mundanismo, de sua conivência com as máximas deste mundo”.

As palavras de Brown capturam bem um elemento essencial de um poderoso sermão, isto é, que primeiro é necessário que o pregador seja profundamente impactado pela palavra que ele sobe no púlpito para pregar. Antes que o pregador seja capaz de convencer qualquer cristão a depositar sua confiança nas promessas de Deus, ele precisa crer nessas promessas.

Pastor, enquanto você se prepara para pregar a palavra de Deus e alimentar as almas de seu povo essa semana, certifique-se de que você já foi transformado pelo que você está estudando. Certifique-se de que já faz parte de você e que você realmente acredita no que você está se preparando para pregar, para que você seja capaz de pregar com uma sinceridade que só é possível em alguém que já teve um encontro com Deus e experimentou seu auxílio.

 

Tradução: Frank Brito.

Revisão: Filipe Castelo Branco.

Fonte: What produces a powerful sermon?


Autor: Brian Croft

Brian Croft é o pastor efetivo da Auburndale Baptist Church em Louisville, Kentucky. Ele também é autor de "Visit the Sick: Ministering God’s Grace in Times of Illness”, (Prefácio de Mark Dever) e "Test, Train, Affirm, and Send Into Ministry: Recovering the Local Church’s Responsibility to the External Call", (Prefácio de R. Albert Mohler Jr). Brian escreve regularmente no blog Practical Shepherding.

Parceiro: Practical Shepherding

Practical Shepherding
O ministério Practical Shepherding visa equipar pastores e líderes de igrejas nas questões práticas do ministério.

Ministério: Ministério Fiel

Ministério Fiel
Ministério Fiel: Apoiando a Igreja de Deus.

Veja Também

Encoraje seu pastor

Existem livros que ensinam como cuidar de seus filhos, de seu cônjuge, de sua casa …