quinta-feira, 11 de agosto

Ministério Fiel

Ministério Fiel: Apoiando a Igreja de Deus.

O natal não é um feriado pagão

Essa pergunta surge todos os anos no Natal. Em primeiro lugar, não há mandamento bíblico direto para celebrar o nascimento de Jesus no dia 25 de dezembro. Não há nada na Bíblia que indique que Jesus nasceu em 25 de dezembro. De fato, há muitas narrativas do Novo Testamento que …

Continue Lendo

Cristãos podem casar-se com incrédulos?

“Isso parece tão certo, tão certo. Como pode ser errado?” Essas palavras foram escritas por Ben Weisman para serem cantadas por Elvis Presley, porém frequentemente tenho ouvido uma variação delas ditas por cristãos solteiros começando a se envolver de modo romântico com não-cristãos. Então, isso muitas vezes é respaldado por …

Continue Lendo

Rastreando a história do natal

Para entendermos a história do Natal, precisamos voltar no tempo. Não voltar apenas alguns milhares de anos até o nascimento de Jesus, mas precisamos fazer todo caminho de volta, até os nossos primeiros pais, Adão e Eva. Deus os colocou no exuberante e perfeito jardim do Éden. Eles tinham tudo …

Continue Lendo

7 perguntas a serem feitas antes de ministrar às mulheres solteiras

Na atual etapa de minha vida, tenho a alegria de ministrar entre mulheres de diversos estágios de vida, circunstâncias, culturas e regiões geográficas. Por ser solteira, muitas dessas mulheres me fazem perguntas, de forma pública e privada, sobre a solteirice e o ministério entre solteiros. Sou constantemente lembrada de quão …

Continue Lendo

Pregue bem a bíblia inteira

O texto abaixo foi extraído do livro Igreja em Lugares Difíceis, Mez McConnell e Mike McKinley, da Editora Fiel. Por favor, não me entenda errado. A despeito do fato de que a Palavra de Deus é poderosa e que Deus é capaz de usar até um sermão simples, devemos dar …

Continue Lendo

Não odeie o natal

“Bah! Humbug!”. Essas duas palavras são imediatamente associadas ao anti-herói fictício e imortal de Charles Dickens, Ebenezer Scrooge[1]. Scrooge foi o protótipo do Grinch que roubou o Natal[2], o paradigma de todos os homens céticos. Todos reconhecemos que Ebenezer Scrooge era uma pessoa mesquinha — avarenta, insensível, egoísta e cruel. …

Continue Lendo