• Envie para um amigo

    Favor Preencher
    Favor Preencher
    Insira um Email Válido
Artigo

O estresse e seu impacto em nosso relacionamento com Deus (Parte 2)

Sharon Dickens 03 de Julho de 2018 - Vida Cristã

Esta é a parte 2 de uma série de artigos em 2 partes sobre o estresse. No artigo anterior, analisamos o que é o estresse, como sabemos se estamos estressados demais e qual o impacto do estresse em nosso relacionamento com Deus.

Se você ainda não leu a Parte 1, clique aqui.

Como Deus requer que lidemos com o estresse?

“Feliz o homem que me dá ouvidos, velando dia a dia às minhas portas, esperando às ombreiras da minha entrada” (Pv 8.34).

É possível estar extremamente ocupado sem o estresse nos sobrecarregar e sem ficarmos irritadiços e irados?

Podemos lidar de modo bíblico com o estresse? Os cristãos deveriam ficar estressados? Isso é pecado?

No documentário da BBC, The Truth about Stress, um professor falava sobre nós “fingirmos para lidar com o estresse” — basicamente ele disse que nossos corpos reagem ao estresse e à excitação da mesma maneira. Ele sugeriu que quando estamos estressados só precisamos dizer em voz alta: “Estou animado”, para levarmos o nosso corpo a pensar que não estamos estressados. Não sei se isso realmente funcionaria, mas sei que esse método tenta mudar a nossa atitude sem lidar com as circunstâncias. Sei com certeza que essa será uma solução temporária. O que precisamos não é de uma solução temporária para o nosso problema, mas encontrarmos a solução em Cristo. Durante nosso estresse, Deus não está ausente, mas está presente conosco, envolvido conosco a todo momento. Ele tem trabalhado para mudar nossos corações e usar as circunstâncias para tratar o coração relutante.

1. Prestar atenção aos sinais de alerta?

Nossas respostas às pressões e tensões da vida são importantes. Quando não reagimos bem, isso pode ser prejudicial para nós e para outras pessoas ao nosso redor. Precisamos nos conhecer e perceber os nossos sinais de alerta. Como você sabe, nossos corpos respondem ao estresse de muitas maneiras, e esses indícios ou alertas são sinais que você precisa prestar atenção. Todos nós lidamos e respondemos às coisas de modo diferente, por isso precisamos começar a pensar em quais são os nossos indicadores. Eu sou uma daquelas pessoas que internalizam o seu estresse, mas tenho alguns “tiques” e hábitos que claramente indicam que estou realmente ficando sobrecarregada por algo. Eu sei, por exemplo, quando inconscientemente começo a massagear minha testa muito devagar, como se estivesse tentando aliviar uma dor de cabeça, estou seriamente estressada. Não apenas nossas respostas e atitudes em relação ao estresse podem causar danos pessoais, mas se não formos cuidadosos, poderemos ferir e prejudicar as pessoas à nossa volta. Estar em vigilância é estar prevenido. Se estivermos vigilantes quanto à repetição de respostas pecaminosas ao estresse e à pressão, podemos estar prevenidos e conscientes de nossas ações, e atentamente e em oração, podemos fugir da tentação de nos entregarmos aos nossos hábitos pecaminosos, como ira e autopiedade.

2. Descubra o que está dominando você

Quando permitimos que as pressões ao nosso redor nos dominem em vez de Deus, estamos em terreno escorregadio. As pressões começam a nos consumir e sobrecarregar — é como se começássemos a servir a nossa “lista de tarefas” em vez de o “Deus vivo”. “Penso no estresse como uma pressão excessivamente desgastante, autoinfligida ao corpo, ao lidarmos com a pressão de maneira errada, que, se continuada por um tempo suficientemente longo, pode tornar o corpo incapaz de agir como deveria, prejudicando-o de uma ou outra forma. Muitas vezes, o estresse tem a ver com nossas atitudes: preocupação, amargura, medo, etc. Mas quando as responsabilidades são assumidas em gratidão a Deus, as atitudes tendem a ser melhores; tais problemas são eliminados automaticamente.” — Jay E. Adams no artigo “Handling the Problem of Pressure” [Lidando com o Problema da Pressão] (Journal of Biblical Counseling, volume 10.4).

Precisamos examinar os nossos corações e descobrir o que está nos dominando e por que estamos permitindo isso. Fazê-lo deve nos conduzir de volta ao Senhor em arrependimento e oração, colocando-o firmemente de volta no comando. Isso não muda a nossa “lista de tarefas”, mas nossa atitude em relação a ela, que passa a não ter mais poder sobre nós, dominando-nos e dirigindo-nos, mas passamos a ter uma atitude correta e proveitosa em relação aos nossos compromissos.

3. Viva um dia de cada vez

Não tente lidar com tudo de uma vez. No dia de hoje temos o suficiente para lidarmos sem nos preocupar com os problemas desta semana, ou com os problemas deste mês ou deste ano. Deus nos deu tudo o que precisamos para hoje e requer que dependamos dele para o agora e confiemos nele em relação ao que virá amanhã. Muitas vezes o estresse que experimentamos vem de prazos ou metas que impomos a nós mesmos.

4. Descanse em Cristo, pois a sua compaixão nunca falha

Eu amo o Salmo 121 porque me lembra quem é a fonte da minha ajuda e como o Senhor cuida de nós e nos protege. Eu tenho um cérebro pictórico, então, quando eu estou orando através deste Salmo, sempre imagino a vida como a montanha e Deus enviando aqueles pequenos sherpas#1 para ajudar a carregar o fardo dos problemas e estresse para mim.

Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do SENHOR, que fez o céu e a terra. Ele não permitirá que os teus pés vacilem; não dormitará aquele que te guarda. É certo que não dormita, nem dorme o guarda de Israel. O SENHOR é quem te guarda; o SENHOR é a tua sombra à tua direita. De dia não te molestará o sol, nem de noite, a lua. O SENHOR te guardará de todo mal; guardará a tua alma. O SENHOR guardará a tua saída e a tua entrada, desde agora e para sempre.

Quando estamos estressados e aflitos, devemos nos voltar para Deus, a fonte de toda a nossa ajuda. Passar tempo com ele nos revigora e nos permite suportar as provações e perseverar, crescendo em meio às dificuldades e não sendo esmagados por elas. Precisamos fazer da comunhão real com Deus uma prioridade em nossos dias, para que possamos ser realinhados à vontade dele, ouvir a sua sabedoria em sua Palavra e passar tempo permanecendo em sua presença.

Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve.

5. Faça escolhas sábias

O que você come, o quanto dorme e quão bem vive têm um impacto sobre você. Pense nas escolhas de vida que você está fazendo e escolha bem e com sabedoria. Sempre me surpreendo com o número de pessoas que dizem que não têm tempo para um período devocional, mas passam horas todos os dias no Facebook. Temos tempo suficiente todos os dias para fazer as tarefas que o Senhor requer que façamos. Estamos sendo sábios no uso do nosso tempo? Seja honesto! Não oculte a verdade, fale com o Senhor e diga a verdade. Preste contas de forma sincera a cristãos piedosos e peça-lhes que orem por e com você.

Deus está usando isso para o seu bem e propósito. Ele tirará você desse tempo sombrio; ele é digno de confiança. Pode não parecer assim agora. Precisamos confiar em Deus e fazer algumas perguntas difíceis sobre nós mesmos.

Eu creio que verei a bondade do SENHOR na terra dos viventes. Espera pelo SENHOR, tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração; espera, pois, pelo SENHOR (Sl 27.13-14).

[1] Sherpas são uma etnia da região montanhosa do Nepal, que vivem na região da cordilheira do Himalaia. Eles são conhecidos por ajudarem os escaladores, carregando todo o material necessário para realizar a subida das montanhas, além de ajudarem em tarefas básicas do acampamento.

 

Tradução: Camila Rebeca Teixeira.

Revisão: William Teixeira.

Original: Stressed to the Max: How Does God Want Us to Deal With Stress?

Hits: 2507


O leitor tem permissão para divulgar e distribuir esse texto, desde que não altere seu formato, conteúdo e / ou tradução e que informe os créditos tanto de autoria, como de tradução e copyright. Em caso de dúvidas, faça contato com a Editora Fiel.

Receba nossas Notificações



Sharon Dickens
Autor Sharon Dickens

Sharon é a Diretora de Operações e líder do ministério com mulheres no 20schemes. Ela tem mais de 26 anos de experiência...



20schemes
Parceiro 20schemes

20schcmes existe para edificar igrejas saudáveis centradas no evangelho para as comunidades mais pobres da Escócia. Nosso desejo de longo prazo...

Produtos Relacionados