• Envie para um amigo

    Favor Preencher
    Favor Preencher
    Insira um Email Válido
Artigo

Afinal, é importante que as mulheres conheçam a Bíblia?

Jen Wilkin 19 de Fevereiro de 2018 - Vida Cristã

O texto abaixo foi extraído do livro Mulheres da Palavra, de Jen Wilkin, da Editora Fiel.

Você acredita na importância de recuperar o conhecimento bíblico? Deixe-me sugerir uma razão por que você deve acreditar: o conhecimento bíblico é importante porque nos protege de cairmos no erro. Tanto o falso mestre quanto o humanista secular confiam na ignorância bíblica para que suas mensagens criem raízes, e a igreja moderna tem se mostrado um terreno fértil para essas mensagens. E, por não conhecermos a nossa Bíblia, nos desfalecemos diante dos desafios mais básicos a nossa visão de mundo. Desilusão e apatia corroem a nossa convicção. As mulheres, em particular, estão deixando a igreja em números sem precedentes.

Quando as mulheres crescem cada vez mais negligentes em sua busca pelo conhecimento bíblico, todos em seu círculo de influência são afetados. Em vez de agirem como sal e luz, nós nos tornamos uma contribuição insípida para o ambiente em que vivemos e moldamos, sem distinção daqueles que nunca foram transformados pelo evangelho. O lar, a igreja, a comunidade e o país precisam desesperadamente da influência de mulheres que saibam por que acreditam naquilo que acreditam, fundamentadas na Palavra de Deus. Eles precisam desesperadamente da influência de mulheres que amam o Deus proclamado na Bíblia de modo profundo e ativo.

Talvez você tenha sentido que seu próprio interesse pela Bíblia está minguando e tenha se perguntado o porquê disso. Talvez você tenha até mesmo questionado o seu amor por Deus à luz de sua falta de desejo de conhecer a Palavra. Eu creio que uma mulher que perde o seu interesse pela Bíblia não está equipada para amar da maneira como deveria. O Deus da Bíblia é tão encantador que ofusca buscas menores. Eu desejo que as mulheres, em todo lugar, desenvolvam um amor profundo e permanente por ele, por meio do estudo do texto que o faz conhecido.

Nos capítulos seguintes, quero demonstrar como fazer isso. Assim como muitas professoras, eu tenho uma leve fraqueza por aliteração, portanto, dê-me sua tolerância à medida que explorarmos como valorizar aquilo que chamo de os Cinco P´s do Estudo Saudável.

Estude com Propósito

Estude com Perspectiva

Estude com Paciência

Estude com Processo

Estude com Preces

Conforme avançarmos ao longo dos nossos Cinco P´s do estudo saudável, você sem dúvidas começará a perceber que o relacionamento entre eles não é estritamente linear. Edificaremos sobre cada ideia à medida que tratarmos delas, mas a ordem na qual elas serão discutidas não indica que uma é mais importante do que a outra. Consideraremos a importância das preces por último, embora isso certamente não seja de última importância em nossa abordagem das Escrituras, nem seja o último princípio que devamos praticar. Cada um dos P´s dá suporte aos outros: nós fazemos preces para alcançarmos paciência a fim de estudarmos bem. A perspectiva e o processo estão entrelaçados e dependem de mantermos o propósito em vista. Tendo em mente que todos os cinco P´s são igualmente necessários e inter-relacionados, organizaremos nossa discussão sobre eles avançando em uma ordem que parte do geral para o específico. Cada uma dessas visões estratégicas nos ajudará a começarmos a crescer no conhecimento bíblico, treinando-nos no exercício: “mente antes do coração” e “Deus antes do eu”. Então, mãos à obra.

Hits: 4348


O leitor tem permissão para divulgar e distribuir esse texto, desde que não altere seu formato, conteúdo e / ou tradução e que informe os créditos tanto de autoria, como de tradução e copyright. Em caso de dúvidas, faça contato com a Editora Fiel.

Receba nossas Notificações



Jen Wilkin
Autor Jen Wilkin

É palestrante, escritora e professora de estudos bíblicos para mulheres. Ela tem organizado e liderado estudos para mulheres nos lares, na igreja e em...