domingo, 18 de agosto
Home / Artigos / O natal não é um feriado pagão

O natal não é um feriado pagão

Essa pergunta surge todos os anos no Natal. Em primeiro lugar, não há mandamento bíblico direto para celebrar o nascimento de Jesus no dia 25 de dezembro. Não há nada na Bíblia que indique que Jesus nasceu em 25 de dezembro. De fato, há muitas narrativas do Novo Testamento que poderiam indicar que o seu nascimento não ocorreu durante essa época do ano. Acontece que no dia 25 de dezembro, no Império Romano, havia um feriado pagão que estava ligado a religiões misteriosas; os pagãos celebravam a sua festa no dia 25 de dezembro. Os cristãos não queriam participar nisso, e então disseram: “Enquanto todos os outros estão celebrando algo pagão, teremos a nossa própria celebração. Vamos celebrar o que é mais importante em nossas vidas, a encarnação de Deus, o nascimento de Jesus Cristo. Então, esse será um tempo de festividades alegres, de celebração e adoração ao nosso Deus e Rei”.

Não consigo pensar em nada mais agradável a Cristo do que a igreja celebrando a data do seu nascimento todos os anos. Tenha em mente que todo o princípio da festa e celebração anual está profundamente enraizado na antiga tradição judaica. No Antigo Testamento, por exemplo, houve momentos em que Deus enfaticamente ordenou ao povo que se lembrasse de certos eventos com celebrações anuais. Enquanto o Novo Testamento não exige que comemoremos o Natal todos os anos, eu certamente não vejo nada de errado com a Igreja participando desse momento alegre de celebrar a encarnação, que é o ponto de divisão de toda a história humana. Originalmente, essa celebração pretendia honrar, não Mitra ou qualquer um dos outros cultos das religiões de mistérios, mas o nascimento do nosso Rei.

A propósito, a Páscoa pode ser atribuída a Astarte no mundo antigo. Mas a Igreja cristã se unindo para celebrar a ressurreição de Jesus é algo que eu dificilmente pensaria que pode provocar a ira de Deus. Eu gostaria que tivéssemos mais festas anuais. A Igreja Católica Romana, por exemplo, celebra com grande alegria a Festa da Ascensão todos os anos. Alguns grupos protestantes a celebram, mas a maioria não. Eu gostaria de celebrar esse grande evento na vida de Cristo quando ele foi elevado ao céu para ser coroado Rei dos reis e Senhor dos senhores. Nós celebramos o seu nascimento; celebramos a sua morte. Eu também gostaria de celebrar a sua coroação.

Tradução: Camila Rebeca Teixeira.

Revisão: William Teixeira.

Original: Is Christmas a Pagan Holiday?


Autor: R. C. Sproul

R. C. Sproul nasceu em 1939, no estado da Pensilvânia. Foi ministro presbiteriano, pastor da igreja St. Andrews Chapel, na Flórida. Foi fundador e presidente do ministério Ligonier, professor e palestrante em seminários e conferências, autor de mais de sessenta livros, vários deles publicados em português, e editor geral da Reformation Study Bible.

Parceiro: Ministério Ligonier

Ministério Ligonier
Ministério do pastor R.C. Sproul que procura apresentar a verdade das Escrituras, através diversos recursos multimídia.

Ministério: Ministério Fiel

Ministério Fiel
Ministério Fiel: Apoiando a Igreja de Deus.

Veja Também

Obedeça a Deus com a sua criatividade: O dever cristão da imaginação

A imaginação pode ser o trabalho mais difícil da mente humana. E talvez o mais divino.